sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Elegia ao Poeta e a Tempestade!





Enquanto dormes na escuridão da Tormenta,
Desprendes-te e deixa teu corpo descansar.
Voas e ganhas um mundo de Paz no azul negro do céu.
Refrigera-te do fogo que te consome.

Em meio às folhas ora úmidas,
Em carícias de amante teus dedos brincam.
Sorris liberto ao vento que te toca!

É madrugada e trouxestes a calmaria das liras
A canção suave dos teus lábios
Sobre o meu corpo trêmulo repousou.

Quem ousaria despertar-me?

E sabes tua Alma o que me acorda
As Noites tempestivas, os pesadelos que me seguem,
A solidão que me consome. Sabes Tu o arquejo dos
 Sentimentos!

Estava silencioso e sereno teu olhar sobre a gota d’água
 ali no canto dos olhos.
Por que choras?
Sabes
Que venho, sei-te as horas, Sou-te alento!

Em compasso de uma dança ensaiada há muito tempo
Teus dedos de candura cerraram na escuridão meu olhar
Abraços se estreitaram na suavidade desse encontro.

Entrecruzados Nossos desejos cuidaram nada perder
Nem uma gota de prazer da boca fugir, antes matar-nos
A sede dos poros antes de partir.

Cá Eternamente vens com os Temporais e me tomas forte
Como os ventos que arrancam gemidos dos galhos.
A ti direi que és Tu!  Que me vens e depois partes.

Retornas, álacre na bonança da aurora

Despertando teu corpo na lembrança do meu!

14 comentários:

Guará Matos disse...

Olá!

NOVOS CAMINHOS

O Bar virtual O BLABLABLA NO TELECOTECO mudou de local. Agora ele faz parte de um conglomerado chamado GUARÁ MATOS blablablas e afins/ https://sites.google.com/site/blablablaseafins/ (até eu registrar um domínio próprio, usaremos esse endereço e devemos prestar atenção no HTTPS, que é assim mesmo. Infelizmente não registra para ser seguido). Um site onde todas as expressões artísticas e culturais serão pesquisadas e divulgadas.
São várias páginas com diversos conteúdos e a participação das pessoas vai ser de extrema importância para divulgação de eventos e dos bares da preferência de cada um.
As entrevistas levarão o nome de “Blablablas e afins” e serão realizadas dentro da página que leva o nome do bar.
Como site é diferente de blog criei um formulário de comentário, estilo “fale conosco”. As intervenções dos visitantes serão registradas e mandadas para uma página fora (Google Docs) e eu responderei um a um pelo e-mail que for deixado no momento do depoimento.
Vídeos, fotos, informações, notícias, lista de contato dos amigos e tantas coisas mais poderão ser acessadas por todos.
Procurei fazer algo de qualidade e pensando na interação, na participação dos meus seguidores e também quem eu sigo.
Acho que vai ser muito legal pra todos nós.
Conto com você de verdade e também com seus leitores.
Abraços,
Guará Matos.

José Carlos Brandão disse...

Elegia, mas plena de vida, de sensualidade. Lembrou-me os poemas de amor de Pablo Neruda - sensuais e tristes a um tempo. Esse mistério que não precisa de explicação, mas faz viver a alma dos amantes.
Beijos.

MM - Lisboa disse...

Que bom seria se pudéssemos sair dos nossos corpos por instantes e na leveza do momento.., voar pela imensidão, sorvendo carícias de amor!

Everson Russo disse...

Nossa,,,chega a arrepiar de lindo,,,essa tempestade ao poeta é a mesma que minha janela presenciou essa madrugada,,,era a natureza escrevendo seus poemas molhados,,,lavando o mundo e nossas almas,,,com toda certeza,,,alma de amantes e poetas,,,não se explicam,,,,meu horizonte hoje cinza,,,lindo,,,deixa beijos ao seu horizonte molhado, desejando um belissimo final de semana prolongado....

REGGINA MOON disse...

Nossa Mara!!Que linda postagem...parabéns!!!

Um grande beijo e bom final de semana!!!

Reggina Moon

Érica disse...

Saudade desse horizonte.

Beijos

meus instantes e momentos disse...

belissima postagem.
Parabens.
Maurizio

Aleatoriamente disse...

Mara, obrigada pela visita.
A minha conquista vem do carinho dos amigos iguais a você querida.

Beijos.
Fernanda.

Everson Russo disse...

Muitos beijos do meu horizonte ao seu horizonte pra desejar um lindo sabado pra ti.

Anônimo disse...

Te encontro também!

Everson Russo disse...

Bom dia minha linda,,,as vezes nossas madrugadas são tão longas né? mas temos que fazer delas poesia,,,refresco pra alma,,,aos sonhos e desejos,,,e acordar assim num horizonte lilas depois que o sono vier....beijos de bom domingo e uma linda semana.

Amanda disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Amanda disse...

A nossa imaginação poética nos levam aonde os nossos desejos querem ir...

Beijos guria, lindo poema

Everson Russo disse...

Beijo com gosto de feriado,,,de bom dia,,,de amizade e paz,,,de otima semana,,,

Postar um comentário