sábado, 28 de novembro de 2009

Luz anunciada



A Luz que me envolve
Acende na penumbra
O Sol do TEU Olhar

Aquece-me com
Suspiros cadenciados
A / tre / vi / dos /

Leve-me com TEUs
Raios de desejos
Febris
Ex / ta / Si / a / dos

Lascivos
Segredos
Nós Lábios

Prazer anunciado
Oscilantes
Lampejos
do seu
Olhar.

18 comentários:

Sonia Schmorantz disse...

Lindo! Lindo!
beijo, ótimo final de semana

(Carlos Soares) disse...

Demais esse poema.Intenso.Parabéns.Lindo. beijos

O Sibarita disse...

PORRETA, TUDO DE BOM O POEMA!

Dona moça, cada vez mais você se torna uma poeta retada, vlaha-me Deus! kkkkkkkkk

bjs
O Sibarita

Akhen disse...

OI Layara
Eu cheguei para lhe dizer que tinha pedido ao sol para a ir acordar e lhe dizer que a manhã se estava a espreguiçando, esperando por vc., mas que ele aqui estava brilhando tão envergonhado que não devia ter feito o que pedira. Chego e leio este poema lindo!
Oh Layara, o sol, a lua e todos os corpos celestes, não conseguem brilhar mais que seu poema no horizonte lilás.

Um beijo

Um fim de semana pleno de felicidade

Paz e Luz iluminando seus passos

Aislin Nahimana disse...

Intenso e excitante!

bjosss!


aislinnahimana.blogger.com.br

paula barros disse...

Ai, ai, que encontro maravilhoso de luz.

Um poema muito intenso de imaginar e sentir.

Belo!!!

abraços, bom sábado

Everson Russo disse...

To procurando essa luz, esse despertar, essa alma gemea, enfim, esse sonho que me faça sonhar....convido te a minha janela nesse exato momento, 13:59, uma linda paisagem dos anjos de amor,,,,chuva de fazer injeva a Noe,,,e eu aqui escrevendo por ela....beijos na alma, otimo sabado...

Renata Nogueira disse...

Show!!!
Beijão

Thomas Albuquerque disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
T@CITO/XANADU disse...

P(r)ende esse olhar
com altruismo
e sê de pedra

Busca nele o brilho
um estribilho
ou o que vier

Esse brilho
é um grão de milho
em ti, mulher

joão marinheiro disse...

Beijo de mar...

Luciana P. disse...

Uau, imagem perfeita! E o que dizer em versos quando o pensamento se perde em devaneios e o olhar fala tudo o que passa pela mente... É mesmo um prazer anunciado, a revelação dos segredos que se descobrem ao tocar os lábios... Beijos e boa segunda pra ti.

Everson Russo disse...

Menina, desse lado de cá do planeta o dia amanheceu cheio de lagrimas, o sol está de folga, a janela molhada, o coração e a alma tambem, papel e caneta na mao e vamos escrever essa melancolia tao gostosa de um dia de chuva...beijos e linda semana pra ti...toda lilas....

A Magia da Noite disse...

o prazer faz-se anunciar, no toque dos lábios, no roçar dos dedos sobre a pele despida.

Akhen disse...

Oi Layara

Tudo bem! Estando muitos dias comigo, muitos dias sem vc..


Amor
nos meus braços
eu queria ter presente
sem silêncio amordaçado
sem ausência
e ter o tempo parado
e desse amor a essência
quisera ter a meu lado.

Gostou?

Paz e Luz para iluminar os seus passos

Akhen disse...

Layara

Esqueci de dizer que foi o Viajante do Tempo
-:)

Beijos

Paz e Luz para iluminar seus passos

Luciana Klopper disse...

Peota porreta

Akhen disse...

Oi Layara

Só agora vi o comentário na Esquina da Censura.
É um blogue que tem andado abandonado. Mas agora que foi lá, vou recomeçar a colocar algumas coisas que tenho.

Beijo

Paz e Luz para iluminar teus passos

Postar um comentário