segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Somos


Esse grito que carrego na alma, cravado como lança no peito, ecoa na minha rua entoa uma canção que se perde no jardim, um sopro dos teus lábios em meu ombro, alertam um alento uma Reação ou uma canção.

Meu movimento era teu sorriso um aceno a próxima Cena, outro Ato, outro Eu, outro Você, outra Máscara, estamos a um passo de Nós e somos Nada, um Conto nas madrugadas frias.

E o sabor que trago, banha meu corpo de segredos e sonhos.
Um semblante, um sopro, uma carta, um segundo
Um beijo com gosto de Pecado!

14 comentários:

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Layara, Menina linda da alma pura e do coração lilás!
O seu texto é lindo, muito lindo, mas ponha na cabeça que vc nunca deve cair por homem algum, ouviu, por homem algum, pois somos de cristal, e eu já lhe disse isso, e quando amamos sofremos muito. E não mande recados, nada! É por isso, que bem cedinho vim fazer-lhe um convite, que repito quase com as mesmas palavras agora. Vim convidá-la para ir ao EU E DAI?, pois, hj, fazem 2 meses de vida e 3 000 visitas. Quero que o seu nome fique explicitamente citado na postagem comemorativa. Desculpe-me, mas vou roubar-lhe uma imagem para agradecer-lhe o carinho sempre dispensado.
Beijos,
Renata Maria
PS: Levante-se e recomponha-se! E não deixe de ir! Alegria sempre!

Amanda disse...

"Não despertes o amor até que esse aconteça".
"De tudo o que deves guardar, guarda o teu coração, porque dele pocede todas as saídas da vida"

Ame, mas se ame.

O amor é lindo, mas quando é vivido com reciprocidade.

Obrigada por sempre visiar meu blog.

Beijos em versos!!!

εïз εïз Doce Essencia εïз εïз disse...

Doce Layara

Este poema me arrepiou a pele !

Ah que sensaçao incrivel.
Poemas sao como caricias do amado...da amada...que nos envolve de uma maneira que nem e necessario palavras...apenas sinto...e vibro de emoçao !
Parabens...lindo !!!

Doces Beijos

Doce Essencia

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Néctar da Flor oferece mais um selo para os amigos. Dessa vez é o Selo Criativo que entra na roda dessa nossa felicidade. Não existem regras, apenas levem mais um dengo nosso e deixem a originalidade do seu blog falar por si.



Beijos jogados no ar, sempre!


-

O Sibarita disse...

Sei não, viu? kkk A moça tá apaixonada, é? Eita coisa boa, tem coisa melhor, tem não, né? kkkkk

Se apaixone mesmo, quem nunca sofreu por causa de lá ele o amor ou nunca amou que atire a primeira pedra! kkkkkk

Porreta sua poesia!

bjs
O Sibarita

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Layara, a próxima viagem está mais perto do que imaginamos... assim espero! E já, agradeço todos os elogios que você fez aos posts. Aquilo lá parece que tem vida própria, com tanto sentimento vivo, e por isso nunca estamos livres de gente que bota olho grande na felicidade alheia... esse tipo de coisa só serve pra eu cair na gargalhada. De resto, gostamos muito quando você aparece, falando coisas boas!

----------------------------------------


A poesia gritada é a poesia verdadeira. Se durante a leitura descobrimos que sentimento falado marcou, já valerá a pena ter lido!



até mais,


Jota Cê

Regina coeli disse...

Olá minha doce amiga.
Viva esse amor, mesmo que sofras, viva...
O resto eu concordo com o Sibarita.
Uma semn de muitas realizações e paz.
Obrigado por sua visita ao meu cantinho.
Beijinhos doces.
Regina Coeli

Deusa Odoyá disse...

Minha linda amiga.
viva esse amor, mesmo que sofras, mas viva, pois só vivendo podemos descobrir o verdadeiro sentido de nossa vida.
O resto concordo com Sibarita.
amiga linda, um beijo contendo muitas estrelinhas de luz, paz e amor.
Obrigado por sua visit ao meu cantinho.
Beijinhos dices.

Regina Coeli

Extase disse...

passando para deixar um abraço

Ariana disse...

Muito lindo, especialmente a mistura entre sentidos e sentimentos...
Emoções que vem do coração e desejo que traduz a angústia do corpo.
O corpo pede presença
A alma espera plenitude
O coração deseja calmaria
A mente pede alegria...

Lindo e emocionante o seu poema "gritado" da alma.

Beijos pra ti!

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Layara linda,

Jota Cê já veio aqui e agora é minha vez de dizer o quanto suas palavras parecem um casaco. Elas aquecem o que retribuímos e não tem nada que pague essa sensação de felicidade. Há pessoas que sabem fazer o imaginário se sentir íntimo com a emoção que sente... e você é uma menina linda que adoro demais. Sinto tanto esse seu carinho... demais mesmo.

Beijo bem grandão.

Rebeca

-

SAM disse...

Querida Layara.

Como você escreve bem! O amor é indomável, intenso, sem freios e medidas. Faz sorrir e faz sofrer. Não se entregar ao amor é negar a vida ou reduzí-la a amarga ventura.


Carinhoso beijo

Everson Russo disse...

Menina linda do coração lilas, fico eu triste quando seu horizonte não encontra com o meu, ta sumida,,,quanto ao poema, sabes tudo de mim, mas me parece que nao entendes que te amo, é meio assim, a gente vive e sobrevive o amor, a dor , mas a indiferença deixa uma marca maior...beijos carinhosos no seu coração...e um lindo dia...

Akhen disse...

Layara

Desenhou num horizonte lilás, o amor em tons de azul.
Eu tinha passado por cima, assim a correr, voltei porque dá vontade de ler e voltar a ler mais lentamente.

Paz e Luz em seu caminho

Postar um comentário